quarta-feira, 14 de agosto de 2013

GAFES NO CASAMENTO

By Patricia Zwipp
Gafes podem acontecer em qualquer tipo de evento, inclusive em casamentos. Noivos e convidados estão sujeitos a erros de etiqueta que costumam ofuscar o brilho da data.
O atraso da noiva é fundamental ou um grande erro? Posso cortar a gravata e passar sapato da noiva para arrecadar dinheiro? Devo confirmar presença? Posso levar doces e arranjos de flor para casa? Essas são algumas das muitas dúvidas.
No mês das noivas, nada melhor que solucioná-las. Confira as maiores gafes e maneiras de evitá-las, segundo a consultora de etiqueta social e empresarial Célia Leão.
Noivos

1 - Convidar por e-mail
O convite deve ser entregue pessoalmente. No caso de pessoas que moram em locais distantes, vale enviá-lo por correio ou motoboy.

2 - Atraso da noiva
Atraso é indelicado em qualquer situação. Hoje, os padres até costumam encurtar o casamento quando a noiva chega depois do horário. "Pior que atraso é achar que os convidados são mal-educados e colocar no convite que a cerimônia começa 15 minutos antes do horário real", completou Célia.

3 - Pedir dinheiro para viagem ou outros planos, quando os noivos já moram juntos
Presente não se pede. "Se já moram juntos, que sejam generosos e peçam ajuda para terceiros, é um gesto de caridade", sugeriu a consultora de etiqueta.

4 - Colocar só presentes caros na lista
A atitude dá a impressão de que só quer se aproveitar dos convidados, como observou Célia. Escolha itens para todos os bolsos.

5 - Pedir presente específico para padrinhos
A situação é constrangedora, nunca se sabe o que está dentro do orçamento do padrinho. Fora que presente não se pede. Os padrinhos é que devem perguntar, segundo Célia, mas já colocando o seu limite de valor: "Já ganharam geladeira? Televisão?"

6 - Igreja muito grande para poucos convidados ou vice-versa
Igreja muito grande para poucos convidados dá a impressão de que o evento não foi prestigiado. Já uma muito pequena para uma lista grande torna o momento desconfortável.

7 - Cortar a gravata ou passar sapato da noiva
Pedir dinheiro é tão cafona quanto o atraso da noiva, opinou Célia. "Acho uma sacanagem. Já gastou com maquiagem, roupa, presente e ainda vem pedir dinheiro?"

8 - Beber em excesso
Qualquer tipo de excesso é deselegante. Fora que os noivos acabam não aproveitando bem o momento que tanto planejaram e esperaram.

Convidados

1 - Levar pessoas que não foram convidadas
O convidado não tem o direito de interferir na organização da festa do outro. Fora isso, o bufê cobra por pessoa. Se o convite diz "Fulano e Família", é permitido levar os membros da família. Quando está escrito "Sr. e Sra.", são só eles os convidados, nada de filhos, netos, amigos.

2 - Briga de mulheres pelo buquê
Na hora de a noiva jogar o buquê, é sempre a mesma situação. As solteiras (e até as casadas) se aglomeram e começa o empurra-empurra. E não é difícil acontecer disputa quando mais de uma pega o objeto cobiçado. Sem dúvidas, lamentável. "Mulheres que brigam pelo buquê têm que parar para perceber qual é o problema delas. Não é o buquê que vai fazer milagre", comentou Célia.

3 - Usar roupa inadequada
Homens devem investir em terno e mulheres em vestidos que não sejam muito curtos e nem tenham decotes exagerados. "No convite, não precisa dizer o tipo de roupa, apenas se o evento for muito formal", completou Célia.

4 - Mulher com roupa branca
Quem tem de aparecer é a noiva. Madrinhas e convidadas, esqueçam a ideia de chamar a atenção com um modelito branco. Os muitos olhares vão ser de reprovação, com certeza. Mães dos noivos e madrinhas, não queiram brilhar mais que a noiva. Moderação é a palavra-chave.

5 - Não confirmar presença quando solicitado
O bufê cobra por pessoa. Portanto, confirmar a presença é um gesto de delicadeza e educação.

6 - Não ir à igreja, só à festa
"Um convidado com esse perfil merece que se corte a gravata, passe sapato, peça presente caro, porque é tão mal-educado quanto", comentou a consultora de etiqueta. Se tiver um compromisso de trabalho no horário da cerimônia, por exemplo, avise os noivos antes e pergunte se eles se incomodam que passe apenas na festa para dar um abraço neles.

7 - Levar para casa doces e arranjos de flor
Só se leva doce para casa quando faz parte da lembrança, como é o caso do bem-casado. Sobre arranjos de flor, lembre-se de que não tem o direito de desmontar a festa dos outros. Controle-se!

Fonte: Mulher Terra